Livraria Cultura

Se isso passar, o Movimento Escoteiro não dura mais dez anos.


Há um movimento nos EUA (e que logo deve chegar ao resto do mundo, se é que não chegou) para que o Movimento Escoteiro (Boy Scouts) aceite gays. E os Escoteiros estão quase capitulando.

Eu pouco me importo o que eles fazem "entre quatro paredes", como dizem, mas este tipo de ativismo é bem a coisa que passa uma péssima imagem do tal movimento gay, e parece indicar que os objetivos são outros além da mera "inclusão".

Afinal, nada impediria que os gays, ou os progressistas, criassem seu próprio Movimento Gayscoteiro, que aceitasse pessoas de todas as identidades sexuais possíveis. Mas não, eles querem porque querem entrar no movimento criado por Baden Powell, que era cristão e careta de marca maior - ele era até contrário à masturbação, imaginem o que não diria do sexo gay. É óbvio que a intenção é subverter um movimento tradicional, da mesma forma como fazem com o Exército e com a Igreja Católica.

Eu cheguei a ser escoteiro por um breve tempo. Havia um dos líderes que, segundo diziam as más línguas, gostava de garotinhos... Bem, nunca nada ficou provado nem aconteceu nada que eu saiba, mas ele foi silenciosamente expulso do grupo tempos depois.

Agora imagine que o Movimento Escoteiro passe a aceitar pessoas abertamente gays. Quanto tempo será que vai demorar até que comecem os primeiros casos de abuso sexual de crianças? Aí, claro, os progressistas todos vão se levantar em coro, horrorizados: "Mas cooooomooooo é possííveeeelllll!?"

Francamente, é bastante claro que o interesse aqui é simplesmente acabar de vez com o Movimento Escoteiro. Não existe outro motivo lógico para querer que pessoas abertamente gays possam entrar, afinal de contas, primeiro que ninguém nunca precisou declarar qual era a sua orientação sexual ao ingressar, portanto não é algo necessário; segundo, que os escoteiros não são campo de orgias, mas grupos de aprendizado para jovens entre 9 e 16 anos. Eu, pessoalmente, não gostaria de saber que estava dividindo uma barraca com um homossexual, e imagino que o sentimento seja comum para a maioria dos garotos heteros. Há coisas que é melhor não saber, ainda mais nessa idade.

Porém, meus amigos progressistas acham todos um absurdo que os gays "sejam impedidos de ser escoteiros". Bem, e por que não criar um movimento para permitir que os zoófilos sejam veterinários ou donos de pet shops? Sinceramente, dá raiva ouvir tamanhas barbaridades.

Se isso passar, o Movimento Escoteiro não dura mais dez anos. E o objetivo terá sido atingido!

 

http://blogdomrx.blogspot.com.br/



Share