Novo curso de Olavo de Carvalho:

cursoOdeC

Nas livrarias:

novolivroSiga a fanpage do livro 'O Mínimo que Você Precisa Saber Para Não Ser um Idiota'
no Facebook
.

e&s

 


SPACÇO DO SPACCA

peterpan spacca

© Spacca para o MSM


Jornalistas que não se curvam à patifaria totalitária do Foro de São Paulo estão sob risco num país em que o direito à livre opinião está seriamente ameaçado. Alex Pereira e Vitor Vieira falam sobre as ameaças e acusações feitas pelos delinquentes aliados aos bandidos do PT contra aqueles que defendem as liberdades civis e que com independência denunciam um governo que está simplesmente destruindo o Brasil e suas instituições.

* * *


Nos encontros da liderança do PT, canta-se a Internacional Socialista e fala-se abertamente do projeto de dominação política do país. No STF, fala-se apenas de corrupção, "caixa 2", peculato e outros crimes, como se o Mensalão não fosse a tentativa de usar o dinheiro como arma revolucionária, para falsear todo o jogo político nas instâncias mais altas do país e fazer com que o PT, centralizando tudo no Executivo, controlasse o país sem nenhuma oposição.

Infelizmente, a população caiu no truque das atenuações da imprensa chapa-branca, e ainda está dando apoio expressivo a políticos do PT e a seus aliados.

* * *

Católicos não podem votar num partido pró-aborto e pró-gayzista.

Veja muito mais na seção de vídeos do Mídia Sem Máscara.

Avisos

POLÊMICAS INTER-RELIGIOSAS, EM ESPECIAL ENTRE DIFERENTES DENOMINAÇÕES CRISTÃS, SÃO EXPRESSAMENTE PROIBIDAS NESTE SITE. COM TANTOS INIMIGOS RONDANDO, VAMOS FICAR TROCANDO TAPAS EM FAMÍLIA?

trueoutspeak2
atasFSP

clip_image002

THIS IS A BULLSHIT-FREE SPACE
Orkut-32twittericonYoutube_32x32facebook_32Feeds_32x32Mail-32currency_blue_dollar-32

A sua omissão é inexplicável, porque não lhe falta discernimento. Mas não é solitária, pois seus companheiros de partido estão todos se comportando como se no Brasil estivéssemos dentro da normalidade democrática e não como de fato estamos, trilhando o doloroso caminho do totalitarismo.

No artigo de hoje (5), publicado no Estadão (Democracia virtual), Fernando Henrique Cardoso se queixa forte de Lula e do PT. Se ele tem razão nas queixas, peca o ex-presidente porque não consegue fazer o mea culpa de sua própria responsabilidade pela chegada de Lula ao poder. Este é filho dos planos de FHC para destruir a direita política. O poder revolucionário e totalitário do PT foi subestimado desde sempre. FHC e, infelizmente, o Brasil, estão colhendo os frutos dos erros de avaliação fernandistas.

A morte misteriosa de Yves Hublet, o senhor que deu as famosas bengaladas em José Dirceu, e a filmagem do que seria o estupro de Ingrid Betancourt pelos narcoterroristas das FARC, são comentadas por Ipojuca Pontes, que responde aos ataques do ator Sérgio Brito.

1 - O mundo digital, vertiginoso, avança como um maremoto incontrolável. Acabo de receber pela Internet um vídeo que se presume da ex-senadora colombiana Ingrid Betancourt sendo estuprada num cativeiro por supostos integrantes do exército das FARCs, as Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia. Seja ela quem for, são imagens de barbárie explícita, captadas por um cérebro doentio - digo, possuído pelo rancor e animalidade revolucionários.

Durante décadas as FARC impuseram seu reinado de terror na zona de La Macarena. É possível que ali essa organização tenha enterrado muitas de suas vítimas.

Inventar uma história falsa acerca de fossas comuns não é difícil para quem conhece a técnica que se requer para fazer isso com algo de realismo. Os melhores artífices desse tipo de impostura diabólica são os comunistas. O massacre de massa de Katyn, onde 15.131 oficiais poloneses, prisioneiros de guerra dos soviéticos, foram massacrados e enterrados em fossas clandestinas em 1940, é o exemplo mais claro da habilidade perversa desenvolvida por esse repugnante sistema político. A URSS e os partidos comunistas fizeram o mundo acreditar durante 50 anos que o massacre de Katyn havia sido obra da Alemanha nazista. Essa horrível matança foi obra da NKVD, a polícia política de Stalin.

Santos-Lula

Contrariando o que foi propalado por toda a esquerda brasileira, inclusive a candidata Dilma em debate na televisão, nem o Brasil nem tampouco a UNASUL contribuíram para a aproximação entre Colômbia e Venezuela.

O primeiro país a ser visitado pelo novo presidente da Colômbia, Juan Manuel Santos, foi o Brasil, e o fato se deu nos dias 1º e 2 deste mês de setembro. Antes Santos já havia se encontrado para reatar relações diplomáticas com Chávez, onde comprometeu-se a não investigar as denúncias da existência de acampamentos e líderes das FARC e ELN na Venezuela, motivo principal do rompimentos das relações entre os dois países.

O PT, repito há duas décadas, é um partido revolucionário, totalitário, firmemente decidido a banir da vida política tudo o que não seja ele próprio ou igual a ele próprio.

Já tendo demonstrado que Vladimir Safatle possui a quota de burrice requerida para o preenchimento do cargo de professor de filosofia na USP (ver Cabeça de uspiano em http://www.olavodecarvalho.org/semana/090618dc.html e http://www.olavodecarvalho.org/semana/090623dc.html), não me espanta que ele agora apareça clamando pela implantação de um regime totalitário no Brasil, nem muito menos que o faça com o ar inocente de quem defendesse, com isso, a mais pura normalidade democrática.

O Foro de São Paulo, Lula, Chávez, Correa, as FARC, etc., querem a Colômbia na lista dos lacaios da ditadura cubana. Para isto jogam todas as cartas, como por exemplo, a hipocrisia de Chávez e Lula para com Santos, enquanto escondidos planejam assassiná-lo,

Enquanto Santos explora caminhos para recompor as relações diplomáticas e comerciais da Colômbia com a Venezuela, Chávez se associa com as FARC para assassiná-lo.

Assim se infere da apreensão de material de guerra e documentos, em operações das Forças Militares e o CTI (Corpo Técnico de Investigação) da Fiscalização, contra terroristas das FARC em Bogotá, três dias antes da posse de Santos como presidente dos colombianos.

Sua visão de mundo - influenciada pelos valores judaico-cristãos que embasam as Escrituras - sempre tem levado os evangélicos à conclusão de que a obra-em-curso conhecida como Israel merece apoio, em uma região do mundo onde brutalidade, terrorismo, e desprezo às mulheres são o status quo.

Quem teria pensado que a maior arma no combate à crescente onda de antissemitismo nos Estados Unidos de Obama se encontraria nestas palavras: "Jesus me ama! Disto eu sei, pois é o que a Bíblia me diz."

O trabalho dos blogueiros nos últimos anos tem causado uma crônica dor de cabeça para a imprensa tradicional que antes tudo controlava: ficou para a história a cumplicidade da mídia com a tentativa de golpe de estado lulo-chavista contra Honduras, bem como também com relação ao acobertamento do Foro de São Paulo e da decorrente sociedade entre o PT e as FARC.

Houve uma ocasião, há algum tempo, em que recebi o e-mail de uma estudante de jornalismo que me fazia algumas perguntas para uma monografia sua. Em síntese, ela queria saber se eu me considerava um jornalista e por qual razão assim pensava. Solícito, respondi ao seu questionário e ao que me parece, por ter restado insatisfeita, enviou-me mais uma série de perguntas. Foi então que percebi que ela não fazia uma pesquisa científica para descobrir a verdade a partir de suas investigações, mas sim, procurava fatos e depoimentos que comprovassem a sua convicção já pré-formada, ao que devidamente lhe mandei passear e importunar outra pessoa.

A lavagem cerebral está tão, mas tão completa, que o pessoal sequer sabe mais o que é direita.

Um conhecido no Brasil, descontente com os rumos do PT e sua corrupção, decidiu filiar-se... ao PSOL.

É curioso como muitos na classe média no Brasil acreditam que a solução aos problemas gerados pela esquerda seja ir ainda mais à esquerda.

As FARC buscam dotar-se de mecanismos que lhes permitam entrar de novo em contato com governos estrangeiros e com partidos, igrejas e seitas de esquerda e extrema esquerda, com verdes e socialistas e (mais discretamente) com elementos do ETA, Hizbolah e Hamas.

De novo o governo da Colômbia está recebendo fortes pressões internacionais para que ceda ante o terrorismo. Durante sua viagem ao Brasil, o presidente Juan Manuel Santos deve ter captado a mensagem de que precisa discutir com as FARC. "Se não se fala, não se conseguirá a paz", advertiu Dilma Rousseff, a candidata presidencial do partido do governo, quando lhe perguntaram por que Lula não aceita qualificar as FARC de "narco-guerrilha".

A observação de que o Islam é uma ideologia expansionista é óbvia. Apenas os raros ingênuos ou os abundantes mal intencionados podem dizer que o Islam é somente uma religião como a judaica ou a cristã.

As negociações de paz no Oriente Médio são um exemplo muito claro do que se chama 'guerra assimétrica', no caso negociações assimétricas: Israel quer e precisa de paz, o Islam não quer e nem precisa de paz. Pelo contrário, as negociações de seu lado são apenas um engodo permanente para desviar a atenção de seu real objetivo: a destruição do que eles chamam entidade sionista e a expulsão dos judeus de sua terra.

Bastou apenas um suposto interrogatório sem a presença de um tribunal, sem um julgamento nesse país, sem o comparecimento obrigatório dos advogados de quem resultaria acusado, para que Peña Esclusa fosse tratado como o pior dos criminosos.

Nesta oportunidade, centrarei minha atenção no caso de um notável homem venezuelano que, ao que tudo indica, foi privado de sua liberdade de uma forma completamente apartada da justiça e da legalidade estabelecida pelo ordenamento jurídico venezuelano.

Srs.

Presidente Hans Peter Pöttering e demais membros do Parlamento Europeu

Rue Wiertz 60 Wiertzstraat 60B - 1047 - Bruxelas

Meu nome é Iván Simonovis, de 49 anos de idade e de profissão Investigador Criminal.

Franklin-BritoFranklin Brito morreu na instituição militar onde o mantinham encarcerado.O governo de Hugo Chávez ignorou a petição de Franklin, o clamor de sua família e os chamados dos organismos internacionais para permitir que tivesse acesso à assistência médica merecedora de sua confiança.

O Notalatinaestá sem atualização há algum tempo em decorrência de alguns problemas pessoais mas, mesmo considerando o adiantado da hora, não posso me calar diante de mais um abominável crime da ditadura chavista. Além de ter em cativeiro mais de 40 presos políticos inocentes, dentre eles meu amigo e companheiro Alejandro Peña Esclusa, agora o maligno psicopata Chávez terá de arcar em sua extensa folha-corrida com um crime de morte, uma morte anunciada.

São os valores tradicionais, "reacionários", tão odiados pelos esquerdistas, e que foram construídos ao longo de séculos (milênios?) que dão sustento a essa sociedade mais evoluída, se é que podemos chamá-la assim.

Nunca sei se chamar o pessoal mais à esquerda de "liberais" (como fazem nos EUA), de "esquerdistas" ou de "progressistas", como é moda agora.