Una disfunción eréctil puede ser el resultado de afecciones y enfermedades, medicación o estilo de vida. En primer lugar, es un problema físico. A menudo, factores psíquicos como el estrés y el miedo ayudan a mantener o empeorar los problemas eréctiles. Comprar viagra generico en barcelona saber cuál es el medicamento ideal para usted depende de diferentes factores. L'excitation sexuelle masculine est un processus complexe qui implique le cerveau, les hormones, les émotions, les nerfs, les muscles et les vaisseaux sanguins. La dysfonction érectile peut résulter d'un problème avec l'un de ces. De même, le stress et la santé mentale préoccupations peuvent causer ou aggraver la dysfonction érectile. Où commander cialis sans ordonnance vous avez trouvé une #pharmacie en ligne ici http://trendpharm.com/ #cialis. Lorsque des problèmes se produisent dans la chambre, les émotions peuvent exécuter élevé. Si vous avez commencé à éviter les rapports sexuels par crainte de ne pas obtenir une érection, votre partenaire peut commencer à vous pensez ne trouvent plus attrayants. Sentiments se blessent. En couple commencent à se sentir moins intime. Le ressentiment se insinue.

 


SPACÇO DO SPACCA

vspacca

© Spacca para o MSM



Jornalistas que não se curvam à patifaria totalitária do Foro de São Paulo estão sob risco num país em que o direito à livre opinião está seriamente ameaçado. Alex Pereira e Vitor Vieira falam sobre as ameaças e acusações feitas pelos delinquentes aliados aos bandidos do PT contra aqueles que defendem as liberdades civis e que com independência denunciam um governo que está simplesmente destruindo o Brasil e suas instituições.

* * *


Nos encontros da liderança do PT, canta-se a Internacional Socialista e fala-se abertamente do projeto de dominação política do país. No STF, fala-se apenas de corrupção, "caixa 2", peculato e outros crimes, como se o Mensalão não fosse a tentativa de usar o dinheiro como arma revolucionária, para falsear todo o jogo político nas instâncias mais altas do país e fazer com que o PT, centralizando tudo no Executivo, controlasse o país sem nenhuma oposição.

Infelizmente, a população caiu no truque das atenuações da imprensa chapa-branca, e ainda está dando apoio expressivo a políticos do PT e a seus aliados.

* * *

Católicos não podem votar num partido pró-aborto e pró-gayzista.

Veja muito mais na seção de vídeos do Mídia Sem Máscara.

Avisos

POLÊMICAS INTER-RELIGIOSAS, EM ESPECIAL ENTRE DIFERENTES DENOMINAÇÕES CRISTÃS, SÃO EXPRESSAMENTE PROIBIDAS NESTE SITE. COM TANTOS INIMIGOS RONDANDO, VAMOS FICAR TROCANDO TAPAS EM FAMÍLIA?

trueoutspeak2
atasFSP

clip_image002

THIS IS A BULLSHIT-FREE SPACE
Orkut-32twittericonYoutube_32x32facebook_32Feeds_32x32Mail-32currency_blue_dollar-32

O que havia de melhor na nossa cultura e no nosso ensino foi morrendo de velhice e de tristeza.


Alguém teve a feliz ideia de me mandar uma seleção de músicas populares brasileiras que, através dos tempos, exaltam a mulher. Nos anos 40, cantava-se que "a deusa da minha rua tem olhos onde a lua costuma se embriagar". Nos anos 50, "o teu balançado é mais que um poema; é a coisa mais linda que já vi passar". Nos anos 60, "nem mesmo o céu nem as estrelas, nem mesmo o mar e o infinito não é maior que meu amor, nem mais bonito". Hoje, a coisa está assim: "Tchutchuca vem aqui com teu tigrão. Vou te jogar na cama e te dar muita pressão". Ou, então: "Pocotó, pocotó, pocotó, minha eguinha pocotó".  Ou ainda: "Hoje é festa lá no meu apê. Pode aparecer, vai rolar bunda lelê". E, para arrematar: "Eu sou o lobo mau, au au". "E o que você vai fazer? Vou te comer, vou te comer, vou te comer".

Iranian nukes by Cox  ForkumNeste fim de semana a Venezuela recebe dois presidentes indesejáveis: Ollanta Humala, do Peru, que chegou ontem (7) para estreitar laços com Chávez após acertos feitos durante a inútil reunião da CELAC, e hoje à noite o ditador do Irã, Mahmoud Ahmadinejad. Ele diz que vem “estreitar laços” com os países da América Latina, mas na verdade o que significa sua presença na Venezuela, Nicarágua, Cuba e Equador, é conspirar junto com seus aliados contra os Estados Unidos e Israel.

A esse respeito, existe muita preocupação por parte dos venezuelanos residentes no país e exilados no exterior, mas muito mais por parte de congressistas republicanos, notadamente a cubano-americana Ileana Ros-Lehtinen, que faz parte do Comitê de Relações Exteriores dos Estados Unidos. Todos pedem ao governo Obama que tome medidas mais drásticas em relação às investidas de Ahmadinejad que, como retaliação “preventiva”, fez um ensaio de mísseis de Teerã no Estreito de Ormuz.

Enquanto esquenta a disputa entre os republicanos para a escolha do anti-Obama, do outro lado do mundo há um pessoalzinho, louco para armar uma guerra contra o Ocidente, sem nenhuma dúvida sobre quem deve ser o próximo presidente dos EUA.

roger-noriega

Reportagem sobre as possíveis atividades do Irã na América Latina mostra gravação na qual a consulesa venezuelana Livia Acosta solicitava a um suposto cyberpirata mexicano as chaves de acesso às instalações nucleares nos Estados Unidos.


O ex-sub-secretário de Estado para o Hemisfério Ocidental, Roger Noriega, vaticinou na última sexta-feira um endurecimento da postura de Washington frente à Venezuela, ante o aparecimento de evidências que mostram uma estreita colaboração do governo de Hugo Chávez com o Irã, em atividades que ameaçam a segurança dos Estados Unidos.

FRY46

A Carta della Scuola objetivava criar uma escola dividida em diferentes gradações para selecionar “os melhores”, isto é, os que mais facilmente se sujeitavam às categorias mentais da ideologia burocrática fascista.


Num artigo anterior chamei de quarta fronteira, invisível aos olhos de quem não estudou a matéria, que é tão ou mais importante (do que as geográficas) aquela que, na falta de um termo melhor, denomino genericamente fronteira ideológica. Não me refiro ao conceito hegeliano de ideologia, mas à infiltração muitas vezes subliminar, de idéias que minam não somente o conceito de nacionalidade, como também as crenças religiosas, os valores pátrios e as tradições nacionais, a moral e os costumes e a linguagem – enfim, tudo o que mantém nosso país uno e indivisível.

Sem uma lei formal, os Conselhos Tutelares já estão agindo há muito tempo como se já existisse uma Lei Anti-Palmada. Com a formalização da lei, o inferno estatal será despejado para dentro dos lares.


Uma leitora do meu blog me escreveu:
Recentemente ouvi perplexa o relato de um amigo muito, muito, muito pobre a quem tenho dado ajuda, falando sobre a Palavra de Cristo e dando um pouco de ajuda material, conforme Deus me concede.  Ele me contou que tenta disciplinar o filho para que não siga por caminhos errados, principalmente tráfico de drogas, que é o maior perigo. O garoto é um bom menino, mas muito, muito levado e astucioso e bem teimoso. Meu amigo recebeu uma visita da Polícia Militar e um chamado ao Conselho Tutelar para esclarecer porque havia dado palmadas no filho, que tem pouco mais de 10 anos. Depois disso, o garoto em certo dia foi dormir com uma faca debaixo do travesseiro, dizendo que se o pai lhe batesse usaria a faca, deixando todos em casa atemorizados! É terrível!

Diante das consequências desastrosas dessas leis que estão sendo impostas para controlar a vida privada dos brasileiros e nos desestabilizar socialmente precisamos realmente orar muito.

O eurodeputado Daniel Hannan explica por que Deus resolveu dar algumas ordens a Noé.

arcadenoe euro msm

Dificilmente quem for consagrado pelas primárias do Partido Republicano poderá deixar de atender o anseio minarquista dos membros do Tea Party.

A leitura do artigo de hoje do Demétrio Magnoli (Os epígonos despedem-se em Iowa) é uma prova de que mesmo analistas supostamente isentos podem destilar preconceitos sobre os grupos conservadores surgidos recentemente nos EUA, sob a denominação genérica de Tea Party. Esses grupos insuflaram vida nova e de fato mudaram a trajetória do governo, de tal modo que as política esquerdistas foram inutilizadas e a irresponsabilidade que Barack Obama faria na condução dos negócios públicos foi devidamente abortada. O controle da Câmara de Deputados na última eleição legislativa dá o grau de profundidade da ação política desses grupos, que dispõem de amplo respaldo popular.

Depois da propaganda pró-homossexualismo, agora Globo faz propaganda para educar pais a não disciplinarem seus filhos.


A Globo, ao ver a sanha estatal de aprovar a Lei Anti-Palmada, tinha duas escolhas: ficar com os pais ou com sua antiga funcionária, que disse: “esse ‘direito’ de adulto bater em criança deveria ser cassado. É absurdo! É animal! É irracional! Vamos gritar juntos! Violência de pai, mãe e responsáveis contra criança não é educação, é crime”. A declaração de Xuxa, no jornal O Globo.

Pode parecer que foi uma escolha difícil, mas não foi. A Globo nunca teve dificuldade de se alinhar com seus funcionários e com o governo. O resultado dessa decisão fácil foi a propaganda que a Globo agora está veiculando para “educar” os pais. (Assisti ao vídeo e aproveitei para registrar meu “não gosto” ali:http://youtu.be/a0MRsanwx-Q)

Para o sr. Toledo, o simples reconhecimento dos aspectos contraditórios da  realidade é uma adesão entusiástica, uma tomada de posição ideológica. É óbvio que um sujeito desses está completamente desqualificado para ser professor universitário, secundário ou primário.

dr bananeira msm
Ao me chamar de "ideólogo da ditabranda", o sr. Caio Navarro de Toledo, professor (felizmente aposentado) da Unicamp, em artigo recém-espalhado na internet exibiu uma vez mais aquela inépcia presunçosa e aquela mendacidade visceral, compulsiva, irresistível, que se tornaram requisitos essenciais para a admissão no seu clube de vigaristas acadêmicos.  

Ele mesmo, ao reproduzir no seu artigo um trecho de discurso meu, no qual eu expressava arrependimento de haver apoiado os esquerdistas no tempo da ditadura, fornece a prova documental de que não posso ter sido ideólogo, nem propagandista, nem mesmo admirador passivo de um regime cujos méritos – que seus crimes empanam mas não suprimem – só vim a reconhecer muitos anos depois da sua extinção.

Não há governo mais pernicioso do que o governo que impõe a todos, a ferro e propaganda, a obrigação de viver, no cotidiano, o pesadelo dos seus sonhos e o fracassado delírio das suas utopias.


Era um entardecer do último mês de outubro. Eu caminhava ao longo do Malecón habanero, nas proximidades da esplanada de concentrações que Fidel batizou de Tribuna Anti-Imperialista. Ia pensando sobre a batida constante e incessante do mar contra o conjunto formado pelos molhes, murada e calçadão que se desenrola ao longo de Habana Vieja, Vedado e Miramar, protegendo a cidade das ondas da Baía de Havana. "Um dia o mar vencerá o muro", pensava, observando a analogia entre a ação da natureza naquele local e o destino que, ao fim e ao cabo, terá a revolução dos Castro. O Malecón envelheceu e a revolução (que faz 53 anos hoje, dia 1o) está velha como velhos e encarquilhados estão os malfeitores que se apoderaram do país em 1959. Minhas meditações foram interrompidas. "What do you thing about Cuba?", perguntou alguém. Era um jovem, sentado sobre a murada. Falava com um sotaque hispânico. Sorri pela coincidência entre a indagação e os meus pensamentos.

Começou. Na capa, o Velho comunista descansando ao sol; dentro, a lista de 233 'torturadores', coronel Brilhante Ustra encabeçando. É o Especial Prestes, publicado na primeira edição de 2012 da Revista de História da Biblioteca Nacional, financiada inteiramente com dinheiro público.HYPERLINK "http://www.revistadehistoria.com.br/secao/na-rhbn/especial-prestes"-rhbn/especial-prestes

Vamos ver se eu entendi. Os revolucionários de esquerda acusam a ditadura de, deliberada e sistematicamente, torturar e violar os direitos humanos. Não são abusos, dizem. É método, garantem.

Os ditadores também reprimem e cerceam a liberdade de expressão, é outra acusação. Engraçado é que os revolucionários alardeiam os desmandos no momento mesmo em que, usando de liberdade de expressão, listam como torturadores 233 militares e civis, com nome, sobrenome, patente e função, sem que, depois, nada lhes aconteça. Ninguém é torturado, nem por fazer a lista nem por divulgá-la na imprensa. Não é interessante esta ditadura?

A impressão que tenho é que os milhões de mortos no altar da estupidez não deixaram lições preventivas, exatamente porque essa nefasta experiência não trouxe impactos no mundo jurídico.


Estou lendo o romance As Benevolentes, de Jonathan Littell (Rio de Janeiro, Objetiva, 2007) e já superei uma boa metade do volumoso livro. A narrativa é chocante, ali vemos que todas as leis e todos os marcos civilizatórios foram derrogados. Um delírio coletivo sanguinário tomou conta de toda a gente na Alemanha de Hitler. Penso que algo equivalente deu-se com a revolução bolchevique, tão sanguinária e tão genocida quanto. Diálogos inseridos pelo próprio Littell demonstram o parentesco ente o nazismo e o comunismo.

Littell, como Thomas Mann, fez do seu personagem um doutor. No caso, em Direito. Muito apropriado que um doutor em Direito, leitor de Kant, tenha aceitado alegremente ser um carrasco da SS. O próprio Doutor Fausto encarnado. O que choca no nazismo não é que o populacho, sempre infame e de instintos baixos e primitivos, tenha tido as rédeas do poder. Não! Foram os sofisticados intelectuais que aderiram sem peias ao irracionalismo homicida que redundou na hecatombe da II Guerra Mundial.

Nota da tradutora:A Justiça colombiana, em todas as suas instâncias, tem perseguido os ex-membros do governo do presidente Uribe e já conseguiu, através de fraudes, testemunhas falsas ou malabarismos jurídicos, pôr muitos - inclusive ex-ministros - na cadeia. O país tomou conhecimento há poucos dias de que a senhora Viviane Morales, que ocupa o altíssimo cargo de Promotora Geral do Ministério Público da Nação, refez seu casamento com um “ex” terrorista do bando comunista M-19, o ex-congressista Carlos Alonso Lucio.

O Dr. Luis Carlos Restrepo ocupou o cargo de Alto Comissionado para a Paz no governo Uribe, cuja função era servir de mediador entre as guerrilhas e o governo quando aquelas anunciavam a libertação de seqüestrados em seu poder. E foi nesta atividade que o Dr. Restrepo teve oportunidade de conhecer as relações do atual marido da promotora Viviane Morales com para-militares.

Há, evidentemente, um conflito de interesses e que exige a deposição desta promotora do cargo que ocupa, pois em nenhum país democrático do mundo, onde vige o Estado de Direito, uma promotora pode julgar com isenção tendo como marido um membro de uma das partes diretamente envolvidas no conflito. Nesse sentido, o Dr. Restrepo escreveu a carta que segue abaixo à Drª Viviane Morales que lhe deu como resposta acusações graves e infundadas, numa clara demonstração de perseguição política, atitude que tem sido regra, e não exceção, nos que ocupam os mais altos cargos da Justiça colombiana no governo de Juan Manuel Santos.

charge hipopot msmO governo gaúcho anunciou a realização de um concurso público para admissão de dez mil professores e informou que 18% dessas vagas constituirão cota reservada a "afrodescendentes".

A melhor maneira de alguém se tornar racionalmente inepto é ser politicamente correto. Incrível como a esquerda, que tanto detesta os Estados Unidos, os ianques, os anglicismos e os americanismos, gosta de macaquear toda tolice que surja por lá! A própria expressão "politicamente correto" (800 mil referências no Google) corresponde à tradução de political correctness (10 milhões de referências no Google), tendo ganho nos Estados Unidos, de tão usada, a abreviatura PC.