Novo curso de Olavo de Carvalho:

cursoOdeC

Nas livrarias:

novolivroSiga a fanpage do livro 'O Mínimo que Você Precisa Saber Para Não Ser um Idiota'
no Facebook
.

e&s

 


SPACÇO DO SPACCA

peterpan spacca

© Spacca para o MSM


Jornalistas que não se curvam à patifaria totalitária do Foro de São Paulo estão sob risco num país em que o direito à livre opinião está seriamente ameaçado. Alex Pereira e Vitor Vieira falam sobre as ameaças e acusações feitas pelos delinquentes aliados aos bandidos do PT contra aqueles que defendem as liberdades civis e que com independência denunciam um governo que está simplesmente destruindo o Brasil e suas instituições.

* * *


Nos encontros da liderança do PT, canta-se a Internacional Socialista e fala-se abertamente do projeto de dominação política do país. No STF, fala-se apenas de corrupção, "caixa 2", peculato e outros crimes, como se o Mensalão não fosse a tentativa de usar o dinheiro como arma revolucionária, para falsear todo o jogo político nas instâncias mais altas do país e fazer com que o PT, centralizando tudo no Executivo, controlasse o país sem nenhuma oposição.

Infelizmente, a população caiu no truque das atenuações da imprensa chapa-branca, e ainda está dando apoio expressivo a políticos do PT e a seus aliados.

* * *

Católicos não podem votar num partido pró-aborto e pró-gayzista.

Veja muito mais na seção de vídeos do Mídia Sem Máscara.

Avisos

POLÊMICAS INTER-RELIGIOSAS, EM ESPECIAL ENTRE DIFERENTES DENOMINAÇÕES CRISTÃS, SÃO EXPRESSAMENTE PROIBIDAS NESTE SITE. COM TANTOS INIMIGOS RONDANDO, VAMOS FICAR TROCANDO TAPAS EM FAMÍLIA?

trueoutspeak2
atasFSP

clip_image002

THIS IS A BULLSHIT-FREE SPACE
Orkut-32twittericonYoutube_32x32facebook_32Feeds_32x32Mail-32currency_blue_dollar-32

No momento em que o Foro de São Paulo, a vertente da criminosa OLAS, de Fidel, trama o nosso futuro em encontros internacionais furtivos, com o objetivo de nos transformar em sub-homens, é mais do que oportuno se tomar conhecimento, pelo milagre da Internet, de filmes do porte de "A Otra Cuba".

Durante cinco dias desta semana, reuniram-se em Buenos Aires, Argentina, representantes do 16º Encontro do Foro de São Paulo, somando delegações de 21 países do continente, com o objetivo de debater e colocar em prática propostas e resoluções para se implantar, na próxima década, o Socialismo do Século XXI no espaço latino-americano (e em particular no Brasil, seu carro-chefe, com a eleição da guerrilheira Dilma Rousseff ao cargo de presidente da República).

A articulação do terrorismo, do narcotráfico e da luta política é a definição mesma do Foro de São Paulo.

Num dos últimos debates eleitorais, o candidato a subdilma, Michel Temer, negou que o sr. Presidente da República tivesse proposto a mutação das Farc em partido politico. Mas, antes de terminar a frase, já se desmascarou ao defender as lindíssimas intenções da proposta. Como poderia ele conhecer as intenções, adoráveis ou abomináveis, de uma proposta que, segundo ele mesmo, jamais foi feita?

Temos os institutos de pesquisa sob suspeita e a mídia, exemplificada pela própria ação de Elio Gaspari, enganando o eleitorado leitor de forma vil. E a covardia habitual das lideranças do PSDB para enfrentar o continuísmo petista, um perigo para as instituições democráticas.

Quero comentar aqui o artigo de Elio Gaspari ("Modelo Serra Palin emborcou") publicado ontem (18) na Folha de São Paulo, pois ele é muito relevante como instrumento para explicitar os desacertos da candidatura de José Serra à Presidência da República e o modo de operação do PT, que está firmemente determinado a se manter no poder a qualquer preço.

A candidata do Partido dos Trabalhadores, do Brasil, só levanta a cabeça porque Lula intervém, flagrante e ilegalmente na campanha eleitoral. Se outra prova se necessitava para comprovar o importante papel de Lula no Foro, ali está para reconfirmá-lo a participação de sua mão direita, Marco Aurélio Garcia, no XVI Encontro.

Buenos Aires, 18 de agosto - Mensagem enviada pelo engenheiro Alejandro Peña Esclusa desde sua prisão em Caracas (Venezuela) e lida na conferência desenvolvida pelos delegados da Argentina e Uruguai, da União de Organizações Democráticas da América - UnoAmérica -, no Centro de Oficiais das Forças Armadas.

Já existem leis preconizando a permanência dos filhos doze horas na escola logo a partir dos 3 ou 4 anos de idade. É a formação estatal, comunitária, igualitária, que torna a família desnecessária e a transforma em mera "chocadeira" para novos cidadãos.

O neném, de um ano, engatinha pela sala desbravando novos mundos que vão lhe ampliando o conhecimento, aproveitando o descuido dos adultos engajados em animada conversa. Após alguns metros de percurso, dois buraquinhos numa tomada lhe atiçam a curiosidade.

O comprometimento do instituto de pesquisa Sensus e de sua cliente, a Confederação Nacional do Transporte com o governo do PT, já apontado no MSM, agora é analisado por Nivaldo Cordeiro, que comenta, em vídeo, as mais recentes pesquisas, de resultados suspeitos.

A convergência dos resultados dos três principais institutos de pesquisa - o último a divulgar foi o IBOPE, dando 11 pontos percentuais de vantagem - são suspeitas e refletem o esmagador peso político e econômico do governo federal. Eles apenas criaram um fato midiático, tentando induzir o voto dos eleitores indecisos e mesmo reverter votos de José Serra para Dilma Rousseff. Uma ação desse tipo é um perigo para a democracia. Institutos que falsificam dados podem ajudar a eleger governantes à margem da representação genuina.

Muita gente tem me perguntado, preocupada, se o presidente Juan Manuel Santos jogou no lixo as promessas que fez a Uribe de continuar com o Plano de Segurança Democrática e se bandeou-se para o lado esquerdo. Embora preocupada com algumas coisas que tenho observado, penso que ainda é cedo para afirmar isto; temos que dar-lhe um voto de confiança e acreditar em seu discurso até que fatos concretos confirmem ou desmintam que estamos equivocados.

Dentro da linha dos ensinamentos de Antonio Gramsci explanados nos "Cadernos do Cárcere", assistimos à lenta derrocada do regime democrático e sua substituição por outro que vai, a pouco e pouco, implantando no País a doutrina comunista segundo os ditames do Foro de São Paulo.

Imperaria no Brasil, nos dias que correm e a crer na letra fria da lei, a plenitude democrática do Estado de Direito. Os Poderes Executivo, Legislativo e Judiciário funcionariam harmonicamente, embora independentes. Isso é o que reza a Constituição promulgada em 1988, ainda que com um grande número de alterações feitas ao longo dos anos.

Suas palavras de angústia ante o quadro quase que humanamente irreversível de descalabros e de cumplicidades, para com políticas empenhadas "em apagar os últimos vestígios da nossa vida cristã", tocam-me profundamente.

A angústia de Dom Manoel Pestana Filho, bispo emérito de Anápolis, explode na carta amiga de apelo endereçada aos seus irmãos no episcopado:

Com a boca cheia e o peito estufado, os endinheirados entusiastas do totalitarismo
comunicam ao grande público que lutavam por uma "sociedade mais justa".

O Tribunal de Contas da União (TCU), aquele que Lula quer banir em nome da liberdade para roubar patrioticamente, irá rever as indenizações pagas aos famosos perseguidos políticos pela ditadura militar, os quais, nos últimos nove anos, multiplicam-se em progressão geométrica a cada vinte minutos.

Olavo de Carvalho desmascara as mentiras, trapalhadas e a ignorância de Paulo Henrique Amorim.

O sr. Paulo Henrique Amorim é, na mídia brasileira, o exemplo mais puro de fidelidade partidária. Por isso mesmo faz tempo que deixei de ler seus artigos: consulto os planos de marketing do PT e já sei tudo o que ele vai escrever nos doze meses seguintes.

Reengenharia das religiões: a ética verde é destinada a substituir a ética judaico-cristã.

No período pré-eleitoral que vive a Austrália, o que é de destacar é o esclarecimento corajoso do Cardeal George Pell, Arcebispo de Sydney, sobre a ideologia do Partido Verde.

Com seu novo atentado em Bogotá, as FARC disseram à Colômbia que Chávez, apesar de suas frases em Santa Marta, não os expulsará e continuará sim, cobrindo seus crimes.

Cada vez que o governo colombiano faz concessões às FARC, estas respondem golpeando brutalmente. O carro-bomba que explodiu em Bogotá, em 12 de agosto de 2010, é a confirmação dessa triste lei.

Ipojuca Pontes comenta a bajulação midiática a Fidel Castro e o vídeo no qual um garoto pobre, mas educado, acaba por expor toda a brutalidade, covardia e o cinismo do presidente Lula e de Sérgio Cabral, governador do Rio de Janeiro.

O jornal "O Globo" tem um fascínio todo especial pelo ditador cubano Fidel Castro, a quem trata, habitualmente, por "El Comandante". De fato, não se passa uma semana, ou quinzena, sem que os entusiastas de Fidel, acantonadas no jornal dos irmãos Marinho, deixem de assegurar espaço para acomodar, com boa dose de simpatia (e alguns senões), a figura do sinistro ditador cubano.

Movimentos revolucionários tipo MST são capazes de apresentar mistificações como teses e sofismas como argumentos, cobrando das autoridades atenção e acatamento.

Ao dar cobertura ao tal "plebiscito" pela limitação da propriedade da terra, a CNBB envolve em seu manto uma dessas patacoadas ideológicas que, pela teimosa repetição, acabam sendo confundidas com direitos, não raro com direitos humanos e servindo à violência. Isso me faz lembrar algo que testemunhei há coisa de um ano.